quinta-feira, janeiro 12, 2017

Viagem Peru/Colômbia/Equador: informações solicitadas


Lima - Parque do Amor - O Beijo
Decidi fazer um resumão que respondesse  a perguntas que me são feitas sobre o roteiro  Peru, Colômbia e Equador. Espero que  minhas informações lhes sejam úteis e facilite boas viagens a esses países tão interessantes e bons de visitar.


Lima - Miraflores
A viagem toda foi feita pela AVIANCA, uma empresa sem luxo, mas  com bom atendimento tanto na aeronave, quanto no check-in. Tem funcionários bem treinados.  Telefone geral dessa empresa é : 0800 286 - 6543 ou em:  https://www.avianca.com.br/informacoes_sobre_viagens. É membro da Star Alliance. Pontuei as milhas para a TAP.


Colômbia - Bogotá - Candelária


Como qualquer outra companhia, paga-se muito menos se as passagens forem compradas com antecedência. Costumo comprá-las ao menos três meses antes e fazer os textos intermediários  com a mesma empresa, salvo quando encontro boas ofertas em Vôos low cost - os de baixo custo. Desta vez, também foi assim : antecedência e todos os trechos pela AVIANCA. Viajei somente com bagagem de cabine.


Jardim interno do Museu Botaro em Bogotá

Informo, a seguir, o tempo de duração dos vôos que fizemos. De Porto Alegre a Lima, são, aproximadamente, cinco horas de vôo ( direto);  de Lima para Bogotá, cerca de três horas; de Bogotá a Quito, uma hora e 40 minutos. Na volta, do Equador a Lima, duas horas e vinte minutos e de Lima a Porto Alegre, cerca de cinco horas. Fiz esse último trecho à noite: dormi um bom sono...


Colômbia - Bogotá - Bairro Usaquen

Por lembrar que o uso de táxi era um pouco complicado nesses países, contratei transfers aeroporto / hoteis. Fiz bobagem. Não era necessário isso. Poderia ter utilizado táxi comum, desde que fosse oficial - o que se identifica até pela fila onde eles estão. Paguei na  chegada o dobro do que paguei na saída. Nos três países, foram os hoteis que providenciaram nosso translado. Não esqueçam, entretanto, de acertar o preço antes - regra de que não se deve fugir.


Quito , visto da Fundação Oswaldo Guayasamin

Tanto no Peru, quanto na Colômbia, para translados frequentes, chamávamos sempre o mesmo carro, com o mesmo motorista. Na Colômbia, foi uma senhora muito gentil, disponível e educada. No Peru, um menino tranquilo e bom motorista, acredito que funcionário do próprio hotel, conduzia-nos aos lugares mais distantes. O custo é pouco mais que um táxi comum, mas a segurança é bem maior. No Equador, contratamos tours de um dia inteiro.


Bogotá - Quinta onde viveu Simão Bolívar

Há bons restaurante nos três paises, com preços iguais ou menores que os preços praticados no Brasil. Como não vivo sem café, considerei a rede de cafeterias Juan Valdéz, na Colômbia, o melhor lugar para ir. Também na Colômbia, o famoso André Carne de Res, é excelente. No Equador, fomos a restaurantes ótimos na região de Mariscal. No Peru, eu poderia viver só comendo batatinhas amarelas e carne de pato. Arepas eram sempre bem - vindas, no café da manhã ou nas refeições - deliciosas!


Equador - Passeio tradicional  à Metade do Mundo

Minha sugestão do que ver restringe-se apenas às capitais - penso retornar a esses países para um minucioso recorrido a outras cidades, que listarei no último tópico desta postagem. Em Lima, parece - me indispensável visitar Praça das Armas, Praça San Martin, Convento de San Francisco, Catedral de Lima, Palácio do Governo, Museu do Ouro, Huaca Pucllana, Parque do Amor, Mercado Inca, Museu Larco,  Biblioteca Nacional,  Centro Histórico e os  bairros Miraflores, Barranco e San Isidro. E não deixe de visitar as espetaculares Fontes de Lima.


Peru - Fontes de Lima

Os Museus de Arte  justificam , por si só, uma viagem a Bogotá. Não se pode deixar de ver o Museu Botero, o Museu do Ouro e o Museu de Arte do Banco da República e, ainda,  o Centro Cultural Gabriel Garcia Márquez. Não se pode deixar de percorrer a Zona Rosa  o Histórico Bairro da Candelária, com suas construções coloniais, igrejas, museus, praças, bares e cafés. Convém visitar o Cerro de Monserrate, que se pode acessar por teleférico ou funicular. Convém visitar também a Quinta de Simón Bolívar e caminhar por seus jardins.


Equador - Agricultura em cratera de vulcão, próximo ao Pacífico

Não é por acaso que a cidade de Quito está no início das indicações de Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Tem um Centro Histórico belíssimo, campacto e muito bem preservado. Para encantar-se já no primeiro passeio, vá à Praça da Independência e veja a Catedral, o Palácio e a Igreja da Companhia de Jesus - toda decorada com ouro é a mais importante obra do período Barroco. Caminhe pelo Centro, observando a bonita gente do país.


Quito visto dos jardins da Fundação Oswaldo Guayasamin

Vá ao Parque Ejido e ao Parque Mitad del Mundo e aproveite para ver os arredores de Quito. Veja, com calma, a Praça e a Igreja de São Francisco e a Basílica, que foi inspirada na Notre Dame de Paris. Gaste ao menos duas horas para a imprescindível visita a Casa - Museu de Oswaldo Guayasamin, o maior pintor equatoriano, e sua comovente Capilla del Hombre, dedicada aos povos da América Latina.

Minha melhor compra - figos deliciosos

Penso que ultrapassei a fase das compras em viagem. Aumento de bagagem me proporciona terríveis pesadelos. Vou contar, no entanto, o que poderia ter comprado. No Peru, compraria roupas, lençois e toalhas, camisas e tecidos em metro, tudo em algodão nacional. Lembrem que o algodão peruano é considerado o segundo melhor do mundo - ultrapassado somente pelo algodão egípcio.


Esmeraldas colombianas

Na Colômbia, encontram-se muitas joias com esmeraldas - grande riqueza colombiana , mas só comprem  em lugares que fornecem  certificação.  Comprar café colombiano é ação quase obrigatória - minha única compra no país foi um mix de café para experimentar em casa. No Equador, compra-se café, chocolate e roupas de inverno. As roupas são bonitas  e de excelente qualidade - comprei luvas, por muito bom preço, em Otavalo


Oswaldo Guayasamin

Sobre segurança na região, os cuidados são os mesmos que bem conhecemos. Recebi, em Quito, no Hotel Real Audiência, onde me hospedei, um folheto com alguns conselhos ao turista, tais como: Leve sempre  cópia de seu passaporte - deixe o original,  dinheiro e joias nas caixas de segurança do hotel. Continuam sugerindo:


Equador - Quito - Basílica

" Contrate o serviço de táxi desde o hotel; se vai sair à noite, contrate táxi para a ida e volta; leve seu dinheiro no bolso de dentro da roupa e na quantia estritamente necessária; quando viajar de uma cidade para outra, leve os objetos de maior valor junto com você - não os entregue a ninguém nem os deixe sobre sua cabeça; não deixe telefone, câmera ou bolsa à vista, dentro de táxi ou de carro" ( mesmo na Europa, acontece de motos pararem ao lado do carro, quebrarem o vidro e levarem bolsas ou objetos de valor, que estavam no banco traseiro do carro. Nada que a gente já não conheça...


Colômbia - Bogotá -Museu do Ouro

Fiz alguns bate-e-volta, por pouco mais de cem dólares, com duração de um dia. Os mais interessantes foram a Zipaquirá, na Colômbia e a Otavalo, no Equador. No Peru fiquei somente em Lima, por ser um país que conheço bem. Como sempre acontece - até quando.... não tenho previsão - voltei com uma listinhas de cidades para ver quando retornar à região, como Medellin, Cali, Cartagena, na Colômbia; Baños, Cuenca e Guayaquil, no Equador. Enchallah !


Peru - Fontes de Lima