domingo, julho 24, 2011

Casa da Torre


 Casa da Torre



















Perto da Praia do Forte, uma visão inesperada:  o Castelo de Garcia D'Avila , a única construção feudal das Américas. Também conhecido como Casa da Torre, teve sua construção iniciada em 1551 e concluída em 1624. Está localizado no alto da Enseada de Tatuapara, no ponto mais alto do litoral baiano, de onde se tem uma fantástica visão do mar e das redondezas. A escolha deste lugar parece não ter sido pela beleza, mas pela sua posição estratégica, que não permitia  um ataque de surpresa  vindo pelo mar. Era possível, dali também, ver a movimentação de embarcações que se aproximavam do porto da Bahia.

Ronald e Juliano na Casa da Torre




















Seu proprietário , Garcia DÁvila, veio para o Brasil na expedição de Tomé de Sousa, que o nomeou feitor e almoxarife da Cidade de Salvador e da Alfândega. Aqui , tornou-se riquíssimo com muitas fazendas de plantio de coco e de criação de gado. Suas fazendas iam da Bahia ao Maranhão. É de suas fazendas a origem de:
"O meu boi morreu
que será de mim.
Manda buscar outro , mainha,
lá no Piauí."
Diz-se que Garcia D'Avila era filho de Tomé de Sousa, de quem ele recebeu inicialmente 14 léguas de terras de sesmaria , que lhe haviam sido antes outorgadas por D.Sebastião. Essa paternidade não teria sido declarada por haver uma lei que proibia que terras fossem doadas a parentes - pode-se pensar que a corrupção é herança histórica, que começou muito cedo no Brasil,  ou que os pais costumam proteger os filhos ...ou...ou (  http://www.visiteabahia.com.br/visite/historiasdascidades/ba-coqueiros-praiadoforte.php )


Detalhe da Casa da Torre



















O lugar é lindo. Como parte do Castelo, há uma pequena e graciosa igreja - Capela de Nossa Senhora da Conceição - que foi preservada pela população local, muito mais preservada que o Castelo. Visitei este lugar  muitas vezes. É de fascinante beleza, daí se entende por que foi tombado pelo IPHAN já em 1937. São ruínas grandiosas, onde uma árvore ( gameleira) imensa completa o cenário. A recuperação seguiu a orientação do não uso de material atual. Conserva a arquitetura e um pouco do clima da época. Impressiona muito.