quinta-feira, maio 21, 2015

Marrocos - rápida notícia


Vales do Médio Atlas
Duas grandes vantagens de estar vivendo em Madrid: viajar com bagagem mínima e  ir e vir a outros países sem enfrentar viagens longas. Depois de 20 anos, voltei a Marrocos, num vôo de 1h40 min - de Barajas, aeroporto de Madrid ,  a Casablanca. 

Em Casablanca
Encontrei as cidades marroquinas bem mais limpas , muito cuidadas e floridas. O turismo continua intenso. Gente de toda parte por todos os lados. Penso que maio e setembro são os melhores meses para visitar esta parte da ponta ocidental da África do Norte. 

Em Meknes
Fiz muitas anotações e fotos, mas é a primeira vez que escrevo aqui no correndomundo. Após visitar várias cidades e ter-me hospedado em vários hoteis considerados muito bons, concluo que a internet é lenta - lentíssma em todo o País. Escrever , portanto, é  ato de paciência - ou penitência.

Rabat
Desta vez, abandonei minha condição de viajante-solitária. Além da companhia de Dorilda Oliveira, minha amiga Duda, estamos num grupo de mais 10 pessoas, em pacote que comprei na KTOUR, em Santa Maria - minha agência de confiança. No grupo, há falantes de português, italiano e inglês - e um guia fluente nas três linguas. Excelente.

Eu....
Na próxima semana, prometo escrever, ordenadamente, sobre todos os lugares visitados, e escolher fotos bonitas e informativas entre centenas que fiz, durante estes meus oito dias de convívio marroquino. Prometo ....de acordo com a expressão que escuto todo o tempo aqui:


Se Deus quiser.....