sexta-feira, julho 20, 2012

Carmel : " onde Deus passa férias!"




















Chegamos a Carmel-by-the-sea, ou simplesmente Carmel como é conhecido, exausto de beleza  por tudo o que vimos ao percorrer a Pacífica - 01 road, a partir de San Luis Obispo principalmente. Nem fomos a Monterey, que fica perto, e onde os hotéis são bem mais em conta. Ficamos hospedados no Mission , o primeiro hotel com que nos deparamos, um três estrelas bem confortável , com preço razoável, em relação a outros, e localizado na entrada da cidade: http://www.carmelmissioninn.com


 


















Nossa primeira visita foi à Carmel Mission, nas imediações da cidade, que foi , por muito tempo, o centro administrativo das missões do norte da Califórnia. Fundada em 1770, pelo Pe. Junípero Serra, foi ali também seu leito de morte - dizem que ele morreu, em 1784, picado por uma serpente. Foi enterrado ao pé do altar. O sarcófago retrata-o no leito de morte, cercado por três padres. Pe.Junípero foi muito poderoso naquela região.






















Por muitos anos, desde 1834, essa Missão esteve abandonada. Sua restauração teve início em 1924 e foi feita de acordo com as plantas originais. Hoje é uma igreja católica - assistimos parte de uma concorridíssima missa nesse local - com altar bonito e marcado por elementos góticos. Junto à igreja, foram reconstruídas algumas residências, com pinturas, móveis e objetos antigos, incluindo um original fogão mexicano e uma cama com suporte de couro entrelaçado. Como todo lugar histórico, tem-se uma lojinha bem interessante, onde comprei um belo mapa da localização das 21 Old Mission.






















Carmel correspondeu ao que eu esperava. O ator e diretor de tão bons filmes, meu ídolo, Clint Eastwood não seria prefeito de um lugar qualquer. Carmel é uma belíssima cidade do litoral californiano, que recebeu - e recebe ainda - muitos escritores e artistas, objetivo daqueles que a criaram no início do século 20, os empreendedores Franklin Devendorf e Frank Powers.






















Conta-se que eles sonhavam com esse lugar como uma colônia de artistas, sendo habitado por pessoas inteligentes e criativas e com idéias brilhantes. Há indicativos de que o sonho se realizou. Doris Day construiu um hotel em Carmel, e muitos outros famosos viveram neste lugar. Brad Pitt, Kim Novak, Betty White, Doris Day e Jennifer Aniston estiveram, também por lá. Além de belíssimas praias, a cidade toda é bonita. Com casas baixas fantásticas , projetadas por arquitetos famosos; muitos cafeterias e restaurantes de frutos do mar ou de comidadede diferentes nacionalidades; muitas galerias de arte que correspondem ao desejo inicial dos fundadores de Carmel e muitas e chiquésimas lojas de conhecidas grifes.





















De Carmel a Monterey, vai-se pela rodovia 17 - Mile Drive, com pedágio de US10 e direito a um mapa explicativo. É um dos passseios com maior número de WOW seguramente. Tem-se vistas deslumbrantes do mar, da Del Monte Forest, da flora costeira, do paradeiro de milhares de gaivotas, de campos de golfe que parecem o paraíso nas novelas espíritas, da Spanish Bay e do Lone Cypress, que dizem ser a árvore mais fotografada do mundo.Lindeza essa estrada. Lindeza essas cidades, Carmel e Monterrey.





















Carmel é uma cidade "dog friendly". Foi onde encontrei o maior número de dogs de todos os tamanhos, cores e grifes. Permite -se a entrada de cachorros em todos os hotéis e lojas. Além de  fontes de água fresca para pets em quase todas as ruas, há também equipamentos bem criativos, com sacolas plásticas disponíveis,  para que os donos recolham detritos dos amigos de quatro patas. Senti saudades de Tobi , que morreu ensinando-me como é difícil envelhecer, e de Gifford, em plena inquietação da juventude.






















Carmel foi uma das cidades que mais me comoveu. E não foi pelo glamour que realmente tem. Foi pela natureza e pelos acréscimos que o ser humano pode fazer nela, sem agredi-la. Flora, fauna, paisagem, clima e romantismo do lugar, fazem-nos desejar o retorno. Deve ser mesmo um desses lugares onde Deus passa as férias.





















"Talvez que amanhã 
Em outra paisagem 
Digas que foi vã 
Toda essa viagem 
Até onde quis 
Ser quem me agrada... 
Mas ali fui feliz 
Não digas nada."

Fernando Pessoa