terça-feira, outubro 18, 2011

Suécia - introdução

Uma das salas do Palácio Real
Circulou, há um tempo, na internet, um texto de jovem brasileiro que veio trabalhar em Stocolmo. Ele relatava o seu primeiro dia de trabalho, indo de carona com um colega sueco. Chegaram cedo. Havia muitos lugares para estacionar. O motorista estacionou bem longe do portão de entrada. O brasileiro, então, perguntou-lhe por que não havia estacionado próximo ao portão, já que havia lugar. Surpreso, o sueco respondeu-lhe que deixara o lugar mais perto e de acesso mais rápido para aqueles que chegassem mais tarde, já na hora de entrarem.
Não esqueci esse relato de um gesto de solidariedade e generosidade para com o outro e , acima de tudo, um gesto de boa educação.
Essa foi a Suécia que voltei a ver: limpa, imponente, bonita e muito gentil.