quarta-feira, junho 08, 2011

Canadá: fotos e comentários breves





















# Recebemos orientações , caso entrássemos nas florestas, sobre procedimentos para evitar perigosos ataques de ursos. Não vimos, entretanto, nem um. De animais diferentes, vimos somente uma família de cinco alces e este pequeno raccon , que parecia gostar de fotos. # Um dos lugares mais interessantes que vi no Canadá, foi a Place des Arts, onde está o Museu de Arte Contemporânea de Montreal e onde se vê , o tempo todo, muita gente passeando.























# Encontrei uma cadeias de lojas , La Senza, originalmente de Dorval, no Quebec, somente com roupas íntimas e perfumaria -  similar a  americana Victoria Secrets. Os preços, bem razoáveis; as roupas, lindas.

#  Gostaria muito de voar até Seattle (US) e ir de navio até Victoria ( CA) , visitando, depois, toda a Ilha de Vancouver. Ficou em projeto.








































# Na rua principal de Winnipeg, que chega  até a Estação Central de Trens, vi essa escultura linda de Gandhi - senti saudades da Índia.

# No terceiro dia de viagem, eu já estava um pouco cansada fisicamente , mas não conseguia parar de olhar as belíssimas paisagens que passavam pela minha janela. Por um momento, Ronald desviou minha atenção para fazer esta foto.























# Três horas depois de Jasper, a caminho de Vancouver, começa a descida das Montanhas Rochosas. Surgem novas paisagens lindas, como pequenas cascatas e uma cascata  grande, que avisam da sua proximidade , e o trem passa lentamente , dando tempo e condições de fazer boas fotografias.





















# No famoso Stanlery Park, em Vancouver , havia muitas, mas muitas flores, em belíssimas combinações. Passamos - Ryan, meu filho canadense, Ronald e eu - uma tarde lá. Gostaria de voltar a esse park.

#  Meu sonho passou a ser uma viagem de navio, que parte de Seattle (US) ou Vancouver ( CA) e vai a algumas cidades do Alaska. http://www.alaskatravel.com/

#  Saí de Montreal frustrada por não ter visto o Cirque du Soleil ali, no seu nascedouro e de não ter assistido a Leonard Cohen.










































#  Em Montreal, ficamos hospedados no Quartier Latin, na rua St.Denys, num B&B, bem localizado e com o menor preço de hotel que pagamos no Canadá - foto ao lado.

# Em Niagara, encontram-se cassinos grandes,  imponentes, em belos edifícios. Vi um que tem três mil máquinas e 150 mesas de jogo. Só olhei, é claro!










































#  Em Toronto, no teto de um imenso Shopping Center, está a escultura  de um bando de gaivotas.Um trabalho de impressionante beleza - e muito fotogênico.Na propaganda desse Shopping, lê -se  que "tudo que está à venda no mundo, pode ser comprado ali".

# No Hard Rock Café, em Niagara, pedimos dois sanduiches e dois sucos de laranja, pelos quais pagamos  o preço de um jantar num bom restaurante. Eram bons e bem apresentados e o local, confortável e com uma decoração bonita e bastante informativa. Mas caro...como eu ouvi no Mato Grosso do Sul uma vez "caro pra encrenca!"























# Interessante este tradicional mercado em Vancouver. Muita gente circula por aqui diariamente. Linda a  "arrumação" das carnes, frutas, legumes  e queijos nesse mercado.

# Em Alberta, pode-se comprar tudo para Cowboy. As roupas esportivas também são de boa qualidade nessa Província.





















# No Stanley Park , está este conjunto de esculturas com diferentes movimentos faciais e corporais. As pessoas se divertem tentando imitar cada deles.

# O maior Shoping Center do mundo - até este momento - é o West Edmond Mall, em Edmond, na Província de Alberta.





















# Para finalizar este tópico, uma foto que fiz da janela do apartamento de Ryan e de Norma. É o pô-do-sol visto na Baía de Vancouver. Fantástico!