segunda-feira, janeiro 12, 2009

12/01/2009

Gonçalo, Ary,Pedro,Zeli
Acordei me lembrando de pessoas especiais : como se minha mente insistisse em fazer , por associação central ou difusa, uma relação delas com o objetivo único de me provocar saudade. Eu recordava imagens, vozes, risadas, flashs de momentos de convivência, histórias e atitudes marcantes dessas pessoas. Percebia como eram inesquecíveis , como estavam incrustradas na minha biografia, como eu havia me alegrado com elas , como eu havia aprendido com todas. 


Bela União no Inverno
Eram tantas - impossível nomeá-las. Estavam em lugares diversos, como : Alegrete, Santa Maria, Rio Grande, Passo Fundo, São Paulo, Porto Alegre, Fortaleza, Rio, Roraima, Rondônia, Mato Grosso do Sul, Brasília, Bahia, Uruguai, Itália, Alemanha, Grécia, Estados Unidos, Espanha, India - e em tantos outros lugares. Espalhadas no mundo, mas tão perto de mim. Saudades mesmo!



Inverno!
"Tudo que existe existe talvez porque outra coisa existe. Nada é, tudo coexiste: talvez assim seja certo." Fernando Pessoa