quinta-feira, junho 01, 2006

Meus espaços preferidos - Alegrete



São belíssimos o Rio Ibirapuitã e os campos de Alegrete. A cidade é simpática, com cerca de 80 mil habitantes e uma cultura muito própria. Por mim, seria Patrimônio Cultural da Humanidade...





Igreja Matriz e Praça principal de Alegrete. Aqui Iolandinha e Domingos batizaram Gugu. Ao lado desta Igreja, está a Faculdade onde estudei e onde fui professora até minha mudança para Santa Maria.





Ensinei Língua Portuguesa, durante dois anos, na Escola "Divino Coração". Tive alunos maravilhosos aqui. Lembro de cada um deles com muito carinho.Saí dessa Escola quando fiquei grávida de meu filho caçula - depois de ouvir da diretora que " mulher grávida era muito problema para uma escola"...





Aqui, no Instituto de Educação "Osvaldo Aranha", fiz o Curso de Magistério ( o Curso Normal), onde tive alguns professores ótimos, que definiram minha vida profissional, como Enaura, Domingas, Judeth, Elisa, Iolanda e Maria Mota. Aqui também lecionei, no início de minha carreira docente, Língua Portuguesa e Literatura Basileira e Redação e trabalhei na Coordenação, junto com Alzirinha Vargas, uma das pessoas mais inteligentes que eu conheci em Alegrete.


Uma das torres da Igreja Matriz




















No IEOA, convivi com a dura realidade do ensino noturno , o que me levou mais tarde a ter alguns projetos de ensino,pesquisa e extensão para estudar esse tema/problema. Fui do comando da primeira greve de professores do Estado do Rio Grande do Sul ( Luísa,Isar, Isoldinha e eu). Pedi demissão ao final de sete anos de trabalho,em 1979, logo depois do término dessa primeira greve.


Escultura de " Chapeu Preto"


























Comecei como professora de ensino primário, em escolas municipais, depois de passar em concurso público. Fui professora de Língua Portuguesa no IRMA e no "Emílio Zuñeda". Fiz muitos amigos em todos os lugares por onde passei. Ensinei Lingüística, Língua Portuguesa e Metodologia de Ensino na Faculdade de Filosofia,Ciências e Letras de Alegrete. Fui a primeira professora da FAFIAL a fazer mestrado, ainda na década de 70, na Pontifícia Universidade Católica do RGS. Antes, eu havia cursado Letras nessa mesma Faculdade e também cursado alguns semestres de Pedagogia em Uruguaiana.



Escultura na chegada em Alegrete 


























Fui professora e coordenadora pedagógica da Escola Agrotécnica de Alegrete, na época pertencente à Universidade Federal de Santa Maria - UFSM. Em 1982, fui morar em Santa Maria, mas sempre conservei vínculos com esta cidade, através, principalmente, dos meus muitos amigos, como João e Ilka,Domingos e Iolanda, Pithan e Ana,Sílvio e Vera, Ilza Paz, Eleú Menezes, José Romeu e Sandra, Valdemar e Gladys. Creio, entretanto, que meu maior vínculo é o fato de meus três filhos e de meus dois sobrinhos - Fabianinha e Fernando - serem alegretenses. 


Sou muito orgulhosa de ter recebido,numa solenidade linda, na Câmara de Vereadores, o título de "Cidadã Alegretense" - portanto sou hoje também do Alegrete! Tentarei encontrar fotos dessa belíssima solenidade, presidida por Eroni Carus.